Eu sempre fui romance

Eu soube disso no momento em que meus olhos cruzaram com os teus e voltaram em seguida, algo chamava atenção. Até hoje não sei se foi o sorriso ou o cabelo bagunçado. Talvez tenha sido os dois, ou nenhum, ou isso e mais um pouco. Quem sabe? 

Possivelmente tenha sido o fato de que teus olhos também voltaram aos meus, e, como sempre, eu desviei o olhar. Não tinha coragem para sustentar o olhar de ninguém. Mas gostava de ter que movê-los. 
Enquanto todos fritavam ao som da música, eu apenas levava a bebida à boca, devagar, para que o efeito fosse gradual. Não compartilhávamos da mesma calma, já que o vi virar o copo sem pudor. 





Não precisei de muito para saber que seria o cara por quem eu passaria reto e mais lá na frente viraria para olhar. Porque eu não fazia teu tipo, nem tu o meu. O clichê que me faz dizer “havia algo diferente”, é o mesmo que me fez afirmar o fato de já saber que não daríamos certo.

Não tinha como, éramos imas que nos destruiríamos mutuamente. Só que eu não movi nenhum esforço para impedir qualquer coisa. E por incrível que pareça, nem desviei o olhar quando caminhou diretamente até mim. A adrenalina mexia com algo que eu não sabia controlar –talvez nem quisesse. 

E depois daquela festa, a situação desembocou em algo fora das rédeas, o pior –ou melhor- de tudo, era que eu gostava de não estar no controle, pelo menos uma vez. O único problema foi que logo depois vinha um despenhadeiro, e eu nem consegui mudar a rota, nem pedi que tentasse mudar. Despencamos, livres e tão pesados desse sentimento todo que o baque foi fatal. 
Nós matamos nosso amor, e eu nem fiquei surpresa. A única coisa que me surpreendeu foi termos durado tão intensamente nesse tempo em que eu apenas aproveitava a viagem, sem ligar para o rumo que tomávamos. Eu não fiquei surpresa porque não fomos feitos para dar certo, moreno. 
Tu eras notícia, amor, coisa passageira, eu sempre fui romance.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Todos os direitos reservados | 2016
Desenvolvimento por: Larissa Mocellin (part.Jaque Design) | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo